COMO TRANSFORMAR COLABORADORES EM LÍDERES E GESTORES

June 24, 2016

Já pensou se todos os seus colaboradores fossem líderes e gestores? Tivessem uma postura de gestor ou empresário e se organizassem para entregar os produtos conforme planejado, no tempo acordado com o cliente, com custos sob controle e no padrão de qualidade especificado? Isto seria possível se os colaboradores fossem educados e treinados para agirem como líderes e gestores de seus processos.

FOCO ERRADO

 

A maioria das empresas foca no desenvolvimento técnico dos colaboradores. Elas investem para aumentar a capacidade técnica para a função. Os colaboradores/operadores são preparados para executarem as atividades do processo, mas não são preparados ou incentivados a colaborar com ideias e atitudes para melhorar os resultados dos processos, ou seja, gerenciar. Eles não são treinados ou incentivados a desenvolver habilidades gerenciais como: planejamento, análise de resultados, identificar os fatores que influenciaram os resultados e as causas, e por fim propor melhorias. Ou seja, não rodam o PDCA. Estas funções em teoria cabem ao Gerente da área. O surpreendente é que, muitos gerentes de área, também não têm estas habilidades de liderança e gerenciamento. Não é preciso dizer que neste contexto os resultados são insatisfatórios.

 

A maioria das empresas está apegada ao paradigma, visão ou cultura da “Linha de Montagem”. Nesta forma de organização do trabalho o colaborador deve apenas executar a sua função. Qualquer anomalia ou desvio deve ser resolvida pelo gestor. Neste sistema o colaborador exerce suas funções sem ter a noção exata do produto ou componente que ele produz, de quem é o seu fornecedor, quem é o seu cliente interno ou externo, qual a qualidade desejada pelo cliente, e qual é o resultado que se espera do processo ou produto. Ele não tem autonomia para agir ou sugerir melhorias para otimizar o processo. Esta visão ou modelo de organização do trabalho está ultrapassado e não atende as necessidades das empresas e dos clientes externos. Este modelo já foi superado pelo sistema Toyota ou Lean ManufacturingCélula de Produção ou ainda Gestão por Processos. São todas variações do mesmo conceito de organização da produção. Porem, mesmo nas empresas que adotaram estes sistemas, os colaboradores ainda não tem autonomia ou comportamento de líder ou gestor do processo. 

 

PORQUE MUDAR O FOCO.

 

A competitividade global exige cada vez mais agilidade, qualidade, flexibilidade e capacidade de inovação das empresas. Neste contexto a inovação torna-se fundamental para a sobrevivência das empresas. Inovações gerenciais e de processos se tornam imperativas, mais até do que as de produtos. Quem não as desenvolve, desaparecerá em função da agilidade das mudanças e novas tecnologias. Produtos que ontem eram líderes de mercado se tornam obsoletos rapidamente em função da rapidez com que novas tecnologias são lançadas. Ou seja, o Ciclo de Vida dos Produtos está cada dia mais acelerado.

 

Neste ambiente competitivo os colaboradores não podem continuar tendo uma postura passiva e reativa. Eles precisam desenvolver habilidades de liderança e gerenciamento para entender e controlar todos os fatores que afetam os resultados de seu produto/processo. Eles precisam entender como os fatores afetam os resultados e ter competência e autonomia para corrigir e melhorar os processos. Eles devem se sentir responsáveis pelos resultados de seus produtos e processos. Devem adotar uma postura proativa, como se fossem gerentes, donos, empresários ou fornecedores responsáveis e qualificados.

 

Por outro lado, o Líder/Gestor Principal, por mais qualificado e eficiente que seja, não é onipresente, onisciente e onipotente, ele não é Deus. Ele não tem capacidade de controlar todos os fatores que influenciam os resultados dos processos sob sua responsabilidade. Portanto, ele precisa da ajuda de todos os colaboradores ou fornecedores de sua equipe. Ele precisa delegar processos para que todos assumam suas responsabilidades, tenham uma postura colaborativa e de equipe. Mas antes de delegar processos o Líder/Gestor Principal deve preparar os colaboradores para se auto-liderarem, liderarem equipes e gerenciarem processos, para que os resultados sejam alcançados e adequados as metas.

 

QUAIS OS GANHOS ESPERADOS? 

 

Em uma organização onde os colaboradores possuem competências de liderança e gestão, o Líder/Gestor Principal assume a função de "Coach". Ele tem a função unir as pontas dos processos e suportar os colaboradores. Ele se torna um Consultor Interno, colaborando com a equipe para que os resultados sejam alcançados. Ele não perde o poder sobre o processo e pode intervir, mudar os colaboradores, fornecedores, métodos e infraestrutura, mas somente depois de ter avaliado os resultados e identificado os fatores que influenciaram o resultado, ou seja tenha gerenciado o processo. 

 

Estas mudanças exigirão do Líder/Gestor Principal uma mudança de postura e maior e desprendimento. Mudar o modelo de gestão ou de organização do trabalho exigirá quebra de paradigmas. Os Gestores Principais devem dar oportunidades a seus liderados de mostrarem do que são capazes e perderem o medo de delegar processos. Só se delega processos quando os colaboradores estão preparados e compromissados. Se eles estão despreparados então é preciso prepará-los. Se estão descompromissados, desinteressados ou desmotivados cabe ao bom líder entender as causas, agir para melhorar a motivação e obter dos colaboradores o comprometimento com os resultados. Afinal é isto que um bom líder deve fazer.

 

No contexto atual é preciso ter colaboradores com postura empreendedora. Para melhorar os resultados é preciso muito mais que boa vontade e determinação, é preciso que os principais colaboradores saibam liderar e gerenciar com foco em resultados.

 

Os resultados continuarão vindo mantendo os colaboradores com pouca autonomia, poder de liderança e capacidade de gerenciamento, mas com colaboradores que saibam liderar e gerenciar seu próprio trabalho os resultados serão melhores, virão com menor custo e "stress" para os Lideres/Gestores Principais.

 

TRANSFORME SEUS COLABORADORES EM LÍDERES E GESTORES E MELHORE OS RESULTADOS. 

 

Quer saber como fazer isto na prática? Acesse o link abaixo:

 

PROGRAMA DE FORMAÇÃO DE LÍDERES E GESTORES DE PROCESSO.

 

 

Please reload

Posts Em Destaque

O SEGREDO DO SUCESSO DA APPLE, FACEBOOK, GOOGLE E OUTRAS

June 3, 2016

1/3
Please reload

Posts Recentes